… o Eagle que compramos juntos … [parte 1]

.

Eu procurava um professor de violão. Morávamos perto, horários coincidiram. Em pouco tempo, 1 hora não era mais suficiente. Começamos a passar o dia inteiro juntos. No seu quarto, sem o mundo.

………………………Longas conversas, muita música, delírios…
…………………………………………………………………………………………………………. …possibilidades.

Amava ler seus rascunhos, suas ideias arranhadas. Nossos pensamentos soltos se encaixavam, sem esforço.

………………………………………………………………………………………………………………[num impulso,
…………………………………………………………………………………………………..enquanto eu brincava com suas palavras,
…………………………………………………………………………………………………………………………….você começou o desenho;
…………………………………………………………………………………………………………………………………..ali mesmo, na parede]

Eu relia suas anotações e completava com algo meu. Você sabia. Eu sentia. Nos olhávamos e a inspiração simplesmente surgia. Eu sabia. Você sentia.

Dividíamos tudo. Sem meias palavras, sem máscaras.

……………………………..Éramos o combustível um do outro. Você, meu professor. Eu, sua musa.

[nossos olhares, cúmplices, sorriam]

Por pouco, eu não larguei tudo e fui viver esse sonho contigo. Mas ele era seu, só seu. O meu era diferente. E nos separamos. Fisicamente, apenas. Por muito tempo, o contato persistiu, constante.

[continuamos, juntos]

Um dia, sem explicação, a intensidade foi diminuindo. Os dois precisavam disso, para seguir em frente…

[…]

…alguns anos depois, ouço nossa música no rádio. E me emociono. Eu ainda sabia a letra, de cor.

[…]

…hoje, meu celular tocou e era você…

.

[continua]

.

Anúncios

49 Respostas

  1. Ju

    Esse “[continua]” foi, com o perdão da má palavra, SACANAGEM!!! hahaha

    Beijos!

    10/05/2010 às 12:05

    • Menina Misteriosa

      Ju,
      Esse texto é dos inocentes… sem sacanagem, por enquanto! ;)
      Beijo!

      12/05/2010 às 12:04

  2. Ah, que linda história…estou ansiosa pela continuação!

    10/05/2010 às 12:23

    • Menina Misteriosa

      Desabafando,
      Tá quase pronta!

      12/05/2010 às 12:07

  3. os amores são como os ataques cardíacos: apanham-nos e levam-nos fulminantemente.

    10/05/2010 às 12:27

    • Menina Misteriosa

      E com um sorriso no rosto, Henrik…

      12/05/2010 às 12:07

  4. eu quero o resto da história!
    eu quero o resto da história!
    eu quero o resto da história!
    eu quero o resto da história!
    eu quero o resto da história!

    Eu quero!!! :)

    Aguardando… (sem paciência que não é meu forte)

    beijocas,

    Ana M.
    http://escritoserabiscos.blogspot.com
    http://falopios.blogspot.com (Hoje tem texto novo aqui!)
    http://confrariadostrouxas.blogspot.com

    10/05/2010 às 12:37

    • Menina Misteriosa

      Ana,
      E eu quero mais e mais dessa história, sempre!
      beijo!

      12/05/2010 às 12:12

  5. quero só ver aonde isso vai parar. meu primeiro violão foi um eagle

    10/05/2010 às 13:14

    • Menina Misteriosa

      Marcelo,
      E tem boas histórias para contar sobre ele?

      12/05/2010 às 12:13

  6. Aí o ‘defunto’ volta pra trazer o tormento! haushausha
    Brincadeirinha u.ú

    Tenho certeza de que a moça vai aproveitar muito esse telefonema.
    A-do-ro!

    Beijo,
    Nara

    10/05/2010 às 13:28

    • Menina Misteriosa

      Nara,
      Ou algo melhor… bem melhor!
      beijo!

      12/05/2010 às 12:23

  7. Pra tudo existe uma música. Eu deveria aprender a tocar violão. O tempo urge…
    Beijos

    10/05/2010 às 13:38

    • Menina Misteriosa

      Moska de Bar,
      Mesmo que não aprenda… tente… vale a pena!
      Beijo!

      12/05/2010 às 12:36

  8. uma música pode ser uma viagem (compulsória) no tempo…quando você menos imagina…está lá…caindo num buraco escondido que pode te levar direto a um outro tempo, a uma outra dimensão!

    10/05/2010 às 13:44

    • Menina Misteriosa

      Mariah,
      Às vezes, a música traz só lembranças… às vezes, vem acompanhada de mais, muito mais!

      12/05/2010 às 12:44

  9. Queria muito saber se você conseguiu aprender a tocar o violão… rs

    beijo rouge

    Dani

    10/05/2010 às 14:33

    • Menina Misteriosa

      Dani,
      Com ele não…

      12/05/2010 às 12:45

  10. J.R

    essas aulas particulares são um perigo!!!

    10/05/2010 às 22:26

    • Menina Misteriosa

      J.R.,
      Dos bons!
      Saudades também…
      Beijo!

      12/05/2010 às 13:44

  11. Puxa, eu queria saber como fica a história… Tem revival na parada?
    Volto depois pra conferir.
    Beeeeeeeeeeeijo

    11/05/2010 às 01:03

    • Menina Misteriosa

      Alline,
      Vai saber já, já!
      Beijo!

      12/05/2010 às 13:45

  12. Por que penso que não continua exatamente numa poesia, mas algo tão belo quanto…

    E bonito as tuas frases no Twitter…

    Fique com Deus, senhorita Menina Misteriosa.
    Um abraço.

    11/05/2010 às 01:19

    • Menina Misteriosa

      Daniel,
      está no twitter também?

      12/05/2010 às 13:46

  13. Quem já não se apaixonou por algum professor ou professora????? Conta tuuuuudo!!!
    Bjkas, minha linda e carinhosa menina!

    11/05/2010 às 03:01

    • Menina Misteriosa

      Sônia… me fez lembrar da paixonite por um professor de matemática… outro ‘conto’!
      Beijo!

      12/05/2010 às 13:48

  14. O melhor do texto é esse trecho:

    [num impulso,
    enquanto eu brincava com suas palavras,
    você começou o desenho;
    ali mesmo, na parede]

    Dá pra ficar horas viajando só nesse pedaço.

    Beijo!

    11/05/2010 às 11:51

    • Menina Misteriosa

      Paulo,
      eu fiquei… e ainda viajo…
      Beijo!
      [gostei de ter você, aqui…]

      12/05/2010 às 13:49

  15. e???

    11/05/2010 às 14:29

    • Menina Misteriosa

      S.,
      …e vem mais, por aí!
      Beijo

      12/05/2010 às 13:51

  16. Anônimo

    você e a moskadebar são a mesma pessoa? pq estão fazendo esse joguinho?
    vc é mulher mesmo? e a moska tambem?

    11/05/2010 às 20:15

    • Menina Misteriosa

      Anônimo,
      Não somos a mesma pessoa.
      Que ‘joguinho’?
      Sim, sou mulher.
      Pergunte à Moska de Bar, eu não respondo pelos outros.

      12/05/2010 às 13:54

  17. Ok, vou acampar aqui, e esperar. Não adianta reclamar, viu?

    Rs

    Beijos, lindona!

    =**

    11/05/2010 às 20:58

    • Menina Misteriosa

      Luna,
      E por que eu reclamaria?! Adoro!
      Enquanto isso, temos cardápios e trapézios para nos distrair…
      Love

      12/05/2010 às 13:56

  18. Ju

    Luna, e eu já tô tão acamapada aqui… rsrs. Vai uma bebidinha aê?!
    Menina, eu fico impressionada é com a sagacidade desses anônimos.. Coisa impressionante rapaz!! hahaha

    ps: escreve logo essa história aí, senão vamos virar noites acampando por aqui!! he he

    Ahhh sim.. Beijo! =P

    11/05/2010 às 23:47

    • Menina Misteriosa

      Ju,
      Qual a bebida? Também quero!

      12/05/2010 às 13:57

  19. esse “continua” aguça minha curiosidade de uma maniera inacreditável…rss
    seria o destino aprontando mais uma das suas?
    musica dos dois, ele ao telefone…

    beeijo

    12/05/2010 às 09:54

    • Menina Misteriosa

      Shaa,
      O destino e os dois… aprontando, sempre!

      Beijo!

      12/05/2010 às 13:58

  20. A música fascina… e por vezes somos nós a própria pauta!

    Beijosss
    AL

    12/05/2010 às 14:40

    • Menina Misteriosa

      A.S.,
      Preciso, você!
      Beijo

      12/05/2010 às 19:01

  21. Retribuindo seu ” Oi”,

    E tua escrita segue uma delícia de se ler.

    Beijos,

    12/05/2010 às 17:44

    • Menina Misteriosa

      Ei, Daniel… estava com saudades…
      … ainda estou, de te ler!
      [espero que esteja bem!]
      beijo!

      12/05/2010 às 19:02

  22. Sim e não, mas o DelvarSF me avisa dos teus Twitters =P

    Se cuida menina.

    12/05/2010 às 22:24

  23. Os corpos se separam, mas a música sempre continua tocando na rádio.
    Beijos

    13/05/2010 às 01:13

    • Menina Misteriosa

      Daniel,
      Algumas ficam marcadas, na pele!
      Beijos, futuro papai!
      =)

      15/05/2010 às 14:46

  24. A sincronia da paixão. Ai, que bonito!

    16/05/2010 às 00:57

    • Menina Misteriosa

      Tks, Erica!

      27/05/2010 às 16:28

  25. Nossa, que saudade que eu tava de te ler…

    História linda… será que um dia vou poder contar a minha assim também? [vc sabe…]

    Beijos, flor.

    Miss

    20/05/2010 às 20:14

    • Menina Misteriosa

      Miss,
      Sim, seu sei. Acho que vai sim!
      Saudades… beijo!

      27/05/2010 às 16:29

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s