Para os dias frios e para os nem tanto assim

.

“Eu quero ir pra longe
onde ninguém me alcance
quero correr sem parar.
Eu quero ir para longe
onde seus olhos não me lancem
aquele olhar…
Eu quero ir para longe
onde seu dedo não me aponte
mas eu preciso ficar…
.
Então fico assim
fico dentro de mim
em qualquer lugar.
Então vou por aí
mas não saio daqui
e não te deixo entrar.
.
Eu quero ir para longe
quero ir pra bem longe
onde você não está,
eu quero ir para longe
dessa cobrança incessante
de estar em outro lugar.
eu quero ir para longe
não sei bem aonde
mas eu preciso ficar.
.
Então fico assim
fico dentro de mim
em qualquer lugar.
Então vou por aí
mas não saio daqui
e não te deixo entrar.
.
Você não me vê
Você não tenta entender
onde é o meu lugar…
.
Então fico assim
fico dentro de mim
em qualquer lugar.
então vou por aí
mas não saio daqui
e não te deixo entrar.
.
Você não me vê
não procura entender
onde é o meu lugar…”
.
.
.
ganhei essa música de presente.
de uma pessoa muito amada.
obrigada.
.
Anúncios

12 Respostas

  1. Dai

    Eu estava lendo e pensando: pouts, daria uma música.

    Acertei, e é bonita mesmo.

    beijo

    01/06/2011 às 10:09

    • Menina Misteriosa

      Dai,
      Eu a recebi, ainda mais linda, num arquivo de áudio. Gostei tanto que incentivei quem a escreveu a mandar musicar… pra mim, já é um sucesso!
      Beijo

      03/06/2011 às 10:53

  2. É pra mim também! rsrs

    Tem e-mail pra ti… beijuuuu =)

    01/06/2011 às 14:03

    • Menina Misteriosa

      Li,
      num final de semana aí pra frente, vou estar facinha para ser abduzida… bora? ;)
      Beijo!

      03/06/2011 às 10:55

  3. combina!

    02/06/2011 às 01:56

    • Menina Misteriosa

      com? [para S.]

      03/06/2011 às 10:55

    • ahaha
      com o momento
      com a vida
      com você
      comigo
      e com mais uma pá de coisas…

      05/06/2011 às 23:39

  4. Sempre achei que viajar sozinho não tem graça.
    Sou viciado na companhia humana.
    Me encontro melhor no meio deles.

    Daniel

    03/06/2011 às 23:37

    • Menina Misteriosa

      Daniel,
      Eu aprendi a ter meus momentos de solidão e não só a gostar como precisar deles…
      … mas nunca viajei sozinha…
      … o máximo que eu faço é pegar a estrada sozinha – o que, aliás, eu amo – para ir me encontrar com alguém!
      Um beijo!

      06/06/2011 às 09:37

  5. que linda a letra!

    05/06/2011 às 16:35

    • Menina Misteriosa

      Desabafando,
      A pessoa soube me ler! ;)
      Beijo

      06/06/2011 às 09:38

  6. Daí eu li essa parte

    “Então fico assim
    fico dentro de mim
    em qualquer lugar.
    Então vou por aí
    mas não saio daqui
    e não te deixo entrar.”

    E fiquei pensando: “É tudo que eu preciso fazer, pra me sentir livre. Mas será que eu consigo não te deixar entrar?”

    07/06/2011 às 12:00

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s